2 de outubro | sexta-feira
sala 2

08:00-10:00

Reduzindo o Burden de Infecções na UTI

• Higienização de mãos: ainda um problema em nossas UTIs?
• Isolamento de contato na UTI: herói ou vilão?
• O papel do fisioterapeuta na prevenção de PAV
• O papel da saúde bucal na prevenção de Pneumonia?
• Compreendendo a farmacocinética e a farmacodinâmica de antimicrobianos e seu impacto no desfecho dos pacientes infectados
• Novos tratamentos para gram-negativos multirresistentes. O que esperar para o futuro?

10:30-12:30

O que é mito e o que é verdade na UTI

• Vasopressor em acesso venoso periférico
• Paciente crítico precisa de repouso absoluto?
• Profilaxia para úlcera de estresse
• Jejum para procedimentos cirúrgicos e diagnósticos
• Visita estendida e risco de infecção
• Nutrição: quanto mais, melhor

13:30-15:30

Sedação, analgesia e delirium

• Pausa diária de sedação, sedação zero ou sedação guiada por metas? O que a evidência fala?
• Pausa diária de sedação, sedação zero ou sedação guiada por metas? Qual o impacto na carga de trabalho?
• Quem precisa (e quem não precisa) de benzodiazepínico na UTI?
• O papel da assistência farmacêutica na prevenção de delirium
• Como evitar contenções mecânicas?
• Mobilizando o paciente comatoso

16:00-18:00

Nutrição do paciente crítico

• Precisamos nos preocupar com alvos nutricionais na fase aguda?
• Nutrição enteral em pacientes utilizando vasopressores. Podemos utilizar?
• Quem precisa de nutrição parenteral?
• Rastreamento de disfagia na UTI: quando e como?
• Síndrome de realimentação no paciente crítico: prevenção e manejo
• Medicamentos por sonda enteral: quais os cuidados que devemos tomar?
X Congresso Gaúcho de Terapia Intensiva
Design & Desenvolvimento by Comunicação